PORTAL DE INTERNET DA CIDADE DE TERESÓPOLIS - RJ - GUIA COMERCIAL

NOTÍCIAS
DE TERESÓPOLIS

GUIA COMERCIAL Tempo Notícias Classificados Eventos Cinema Anuncie FALE CONOSCO

 

Teresópolis vai monitorar temperatura de vacinas

Controle de conservação para vacinas e medicamentos

Monitoramento em tempo real das vacinas - Foto: divulgação
Teresópolis, 15/04/2021 - A Secretaria de Ciência e Tecnologia de Teresópolis, iniciou segunda-feira, 12/04, os testes para o monitoramento online da temperatura de conservação de medicamentos e vacinas.

A solução para o monitoramento em tempo real das vacinas é chamada PackID, e utiliza a inteligência de dados para auxiliar na garantia de qualidade de produtos que são conservados em baixas temperaturas. A tecnologia ainda ajuda na redução de custos energéticos e na tomada de ações preventivas.

Hoje o controle da temperatura é feito manualmente por equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde. A partir da instalação do sistema, passará a ser feita de forma remota, facilitando e tornando mais eficaz o monitoramento desses equipamentos. É de responsabilidade das Prefeituras o armazenamento e aplicação das vacinas.

“Temos buscado soluções tecnológicas inovadoras para auxiliar nas ações de combate à Covid-19. Agora, vamos iniciar os testes de uma solução para aperfeiçoar a conservação de medicamentos e vacinas que o município disponibiliza para a população”, assinala o Prefeito Vinicius Claussen.

O ecossistema de monitoramento online das vacinas, contando com sensores, conectividade e plataforma de gestão, é fornecido pela Embratel em parceria com a PackID. O sistema funciona da seguinte forma: são utilizados sensores de Internet das Coisas (IoT) para verificar se houve variação no termômetro. Esses equipamentos ficam conectados à Internet gerando registros das temperaturas e alertas em tempo real na plataforma de gestão. Em casos de alterações indevidas na temperatura, medidas imediatas podem ser tomadas, evitando a perda de vacinas e medicamentos.

Os testes e estudos realizados pela Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, com apoio da Secretaria Municipal de Saúde, tomam como base a Lei Federal 13.243, de 11 de Janeiro de 2016, que dispõe sobre estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e à inovação. Utilizando-se da prospecção tecnológica, recurso previsto na Lei, trata-se da busca por novas tecnologias ou novos produtos, a prospecção é importante para definir estratégias e entender melhor as possibilidades de parcerias utilizando a inovação aberta. A instalação dos sensores foi viabilizada por meio do Decreto Municipal ''Doação do Bem'' (4.997/2018), o decreto incentiva a doação de bens e serviços, fortalecendo a parceria entre o Poder Público e a iniciativa privada.

Portal Terê com informações da AsCom PMT
 

 

 

Siga o Portal Terê na redes sociais:

 

Copyright Portal Terê ®  Informática Ltda - Teresópolis - RJ - 2001-2021
Expediente - Editoria e Colaboradores - Clique aqui